Arquivo | julho 2012

Isolamento Acústico

O isolamento acústico é o processo que impede a transmissão sonora de um ambiente para o outro. O som é uma onda mecânica e para isolá-lo usam-se camadas de materiais densos que dissipam a energia da onda sonora.

Isso é muito útil para minimizar os ruídos que tanto nos incomodam. Quem nunca precisou fechar uma porta para se concentrar em alguma coisa? Nesse exemplo comum a porta e as paredes funcionam como isolantes do som. Em algumas situações o isolamento acústico além de útil é indispensável, como nos estúdios musicais, por exemplo.

Não quero entrar em muitos detalhes sobre isolamento acústico, afinal esse é um blog sobre as coisas que Deus fala e acredito que ninguém por aqui esteja interessado em saber como isolar Sua doce voz.

O fato, entretanto é que existe algo capaz de fazê-lo, o pecado. O pecado nos atrapalha em ouvir a voz de Deus, eu diria mais, diria que não só nos atrapalha de ouvi-lo como também impede que ele ouça nossas súplicas. “Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça.” (Isaías 59:2)

Quando alguém precisa de um isolamento acústico, contrata uma empresa especializada que faz um tratamento, nas janelas, portas, paredes pisos ou tetos. Para minimizar o efeito desse isolamento basta abrir as janelas.

E para resolver o problema do isolamento acústico causado pelo pecado? A solução é simples e está disponível para todos que quiserem. É Jesus, mais precisamente seu sangue, e a confissão desses pecados. “Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado” (I João 1:7)

Livre-se do isolamento acústico, afastando-se do pecado. quando por ventura pecar, confesse pois “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça” (I João 1:9)

Anúncios

Sintonize-se

Continuando a falar sobre ouvir a voz de Deus e sobre a propagação do som gostaria de fazer uma reflexão sobre o funcionamento do rádio. Você sabe como funciona o rádio? Qual é o mecanismo que nos permite selecionar estações diferentes e o que isso tem haver com as coisas que Deus fala?

O rádio é um instrumento que transmite sinais através da modulação das ondas eletromagnéticas. Dois componentes básicos são necessários um transmissor, que envia a informação, e um receptor que recebe. Fazendo uma analogia simples, se Deus é o transmissor, a informação é o que Ele quer nos falar e nós somos os receptores.

Para enviar uma mensagem o transmissor a codifica em uma onda senoidal e a transmite em uma onda de rádio. Cada sinal de rádio diferente usa uma frequência de onda senoidal, é dessa forma, que os sinais são todos separados. Quando o receptor recebe as ondas, ele as decodifica.

As ondas de rádio têm diferentes frequências e para escolher a estação certa e ouvir o que te interessa você precisa sintonizar seu receptor em uma frequência específica, pois um receptor recebe milhares de informações. Na nossa analogia também é assim, além da voz de Deus, ouvimos pessoas que querem nos ajudar, outras que tentam nos atrapalhar, ouvimos a voz do diabo e também nossas próprias convicções e medos.

Então entra em ação o sintonizador que tem o trabalho de separar uma onda das milhares de ondas que o receptor recebe. No nosso caso o sintonizador é o Espírito Santo que nos ajuda a receber as mensagens de Deus. Os sintonizadores funcionam usando um princípio chamado ressonância, eu já escrevi sobre a ressonância aqui.

Os sintonizadores ressoam e amplificam uma frequência específica e ignoram todas as outras. Para que o Espírito nos ajude a sintonizar a voz de Deus precisamos estar em comunhão frequente com Ele. Glória a Deus pelo Espírito Santo que está aqui para nos fazer ouvir e lembrar tudo o que Deus nos diz (Joaão 14:26).